Como é feito um contrato de compra e venda?

O contrato de compra e venda é o documento que oficializa uma negociação. Assim, os envolvidos podem usá-lo para regularizar suas obrigações. Além disso, nele consta todos os direitos e deveres dos envolvidos.

É um documento extremamente importante quando tratamos de imóveis. Isso porque ele tem valor jurídico que oficializa a negociação. Também garante toda a transparência do processo de compra e venda.

Neste artigo, aprenda como é feito o contrato. Bem como, as informações que são necessárias. Desta forma, se precisar deste documento estará apto para preencher os dados oficiais.

Informações necessárias no contrato de compra e venda

Para entender como é feito o contrato de compra e venda veja as informações necessárias. Assim, saberá a estrutura do documento completo. Além de saber como fazê-lo.

Descrição das partes

O primeiro passo para redigir seu contrato é descrever os envolvidos. Ou seja, apresentar alguns dados padrões. Entretanto, há uma diferença para pessoa física e jurídica

Se for entre pessoas físicas informe o nome completo, CPF, endereço e estado civil. Também coloque seu contato, como telefone e e-mail. Já se for pessoa física, deve conter CNPJ, endereço, inscrição estadual e dados dos sócios.

Todas as informações solicitadas devem ser tanto do comprador quanto vendedor. Portanto, inicialmente preencha com os dados básicos dos envolvidos para seguir ao próximo passo.

Detalhe a venda

No segundo momento é importante detalhar o que está sendo vendido. Aliás, o contrato de compra e venda está sendo feito por causa dele. Logo, deve conter o máximo de detalhes.

Se for um imóvel, descreva como é o local, quantos cômodos, a metragem. Já se for um carro, coloque o ano, marca, modelo. Ou seja, detalhe com riqueza o produto em questão.

Preços e prazos

Outro aspecto que não pode faltar no contrato é o preço e prazo. Em resumo, deve constar o valor total ofertado e aceito pelo produto. Bem como a forma e prazo de pagamento.

Coloque todas as datas de pagamentos e valores. Desta forma, aumenta a segurança do vendedor de que irá receber. Também é a garantia do comprador, que não pagará valores extras.

Evite riscos no contrato de compra e venda

O contrato de compra e venda serve especialmente para evitar riscos. Ou seja, para garantir que todo o processo ocorra como o esperado. Além disso, é uma segurança para os envolvidos.

É importante que no documento conste eventuais problemas que possam ocorrer após a transação. Bem como a solução para eles e a responsabilidade de cada um envolvido no processo.

Anexe documentos no contrato de compra e venda

Para finalizar seu contrato é importante anexar outros documentos que validem a transação. Por exemplo, garantias de veículos, avaliações de residências e afins. Também deve conter o básico, como comprovantes dos dados pessoais.

Após reunir as informações e dados indicados basta preparar o contrato de compra e venda. Assim, deve criar o documento detalhando cada um dos tópicos informados no artigo.

Há pessoas que optam por meios tradicionais para fazê-lo. Mas também é possível criar uma cópia digital. Desta forma, otimizando o tempo de realização e facilitando o compartilhamento com os envolvidos.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *